Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Maior pontuador da história do Boston Celtics, John Havlicek morre aos 79 anos

Os torcedores do Boston Celtics e fãs de basquete foram surpreendidos com uma notícia muito triste na noite desta quinta-feira (25). Através de seu site oficial, o time verde e branco de Massachusetts confirmou a morte do ex-jogador John Havlicek, maior pontuador da história da franquia e membro do Hall da Fama, aos 79 anos, em Jupiter, Florida. A causa do falecimento não foi divulgada pelo Celtics, mas a ESPN americana informou que Havlicek estava lutando contra o Mal de Parkinson.

Capaz de jogar como ala e ala-armador, John Havlicek chamou a atenção do Boston Celtics após passagem de sucesso por Ohio State no basquete universitário dos Estados Unidos (NCAA): em quatro anos nos Buckeyes, onde teve a camisa 5 aposentada, o ala fez uma dupla histórica com Jerry Lucas e conquistou o título da NCAA em 1960. Selecionado pelo Celtics na sétima escolha do 1962 NBA Draft, Havlicek abriu mão de um recrutamento na NFL, onde defenderia o Cleveland Browns, para revolucionar a função de sexto homem na NBA, colecionar títulos com a camisa verde e branca e protagonizar um momento histórico: nas finais da Conferência Leste de 1965, diante do Philadelphia 76ers, o ala interceptou um passe de Hal Greer e garantiu a classificação celta, sendo eternizado pela narração do lendário Johnny Most: “Havlicek stole the ball! (Havlicek roubou a bola!)”.

John Havlicek disputou 16 temporadas da NBA pelo Boston Celtics e até hoje é recordista em número de pontos (26.395) e jogos (1.270) pela franquia de Massachusetts. O ala também conquistou oito títulos da NBA, sem sofrer uma derrota em Finais, foi eleito MVP das Finais em 1974, foi 13 vezes convocado para o All-Star Game, apareceu 11 vezes nas seleções ideais da liga e recebeu oito indicações para os times de defesa. Havlicek encerrou a carreira em 1978 e teve sua camisa aposentada imediatamente pelo Celtics.

Confira a nota do Boston Celtics sobre a morte de John Havlicek:

“John Havlicek é um dos jogadores mais talentosos da história do Boston Celtics e o rosto de muitos dos momentos marcantes da franquia. Ele foi um grande campeão, tanto na quadra quanto na comunidade, vencendo oito campeonatos da NBA e um MVP das Finais, enquanto manteve recordes de pontos marcados e jogos disputados pelo Celtics. Nomeado um dos 50 maiores jogadores da história da NBA, ele foi homenageado no Hall da Fama do basquete e teve sua camisa #17 aposentada nas vigas do Garden. Suas características definidoras como jogador eram sua implacável agitação e comprometimento sincero com a equipe. Ele foi extremamente ponderado e generoso, tanto em nível pessoal quanto para os necessitados, como ilustrado em seu compromisso de arrecadar dinheiro para a The Genesis Foundation for Children por mais de três décadas em seu torneio de pesca. John foi gentil, atencioso, humilde e gracioso. Ele foi um campeão em todos os sentidos e, ao nos juntarmos a sua família, amigos e fãs em luto por sua perda, somos gratos por toda a alegria e inspiração que ele trouxe para nós”.

Relembre o histórico lance da roubada de bola de John Havlicek em 1965:

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

4 comentários

  1. Fernando Silva

    Uma parte importante da nossa história.

  2. Marcos

    Rip Hondo
    Camisa aposentada, sempre será lembrado.

  3. JailtonSV

    KC Jones, Sam Jones, Jonh Havlicek, Tom Heinsohn, Bill Russel. Esse quinteto sempre merecerá reverências celtas. Descanse em paz Havlicek.

  4. PHABIO PASSOS

    Pois perdemos hoje um lenda,,, e ganhamos um estrela e uma guardiao que cuidaram e toma conta do nosso CELTICS…..

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *