Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Pistons 87 x 77 Celtics

O tabu de vitórias do Boston Celtics em 2013-2014 continua. Em seu terceiro compromisso na temporada da NBA, o maior campeão da história da liga foi derrotado, na noite de domingo (3), para o histórico rival Detroit Pistons, por 87 a 77. O jogo foi disputado no Palace of Auburn Hills, em Detroit (Michigan).

Foi a terceira derrota consecutiva do Celtics na temporada, sendo que a equipe verde, ao lado do Washington Wizards, são as únicas a estarem zeradas na conferência Leste. Já o time de Michigan, candidato a voltar aos playoffs, possui uma campanha de duas vitórias em três jogos.

Em busca de reação na competição, o Celtics vai encarar o seu primeiro back-to-back na temporada: enfrentará o Memphis Grizzlies, nesta segunda-feira (4), no Tennessee. O Pistons, por sua vez, receberá o Indiana Pacers nesta quarta-feira (6).

Como já era esperado antes mesmo do início do jogo, o Detroit Pistons explorou o seu forte trio de garrafão, com Josh Smith, Greg Monroe e Andre Drummond, sendo que este último anotou os seis primeiros pontos do time de Michigan. Pelo Celtics, Vitor Faverani marcou seis dos primeiros oito pontos, mas não foi o suficiente para impedir que o Pistons abrisse uma diferença no placar. Com a entrada de Jordan Crawford e Jared Sullinger, o time verde ficou próximo de empatar e teve a chance antes do fim do Q1, mas Crawford desperdiçou o arremesso de longa distância.

No segundo período, com Brad Stevens lançando a formação reserva para a quadra, o Celtics encontrou sérias dificuldades no ataque, demorando três minutos e meio para pontuar, enquanto observava o Detroit crescer ainda mais no duelo. O calouro Kelly Olynyk, com cinco pontos em menos de um minuto, até fez o Boston acreditar na virada antes do intervalo, mas o Pistons voltou a exercer o domínio de jogo, abrindo 13 pontos de diferença depois de um lance ofensivo de Josh Smith. Crawford e Gerald Wallace até cortaram um pouco o prejuízo, mas não foi o suficiente para impedir que os donos da casa fossem para o vestiário com a liderança folgada no marcador.

Nos doze minutos seguintes, Pistons e Celtics enfim passaram a fazer um duelo mais equilibrado. Mesmo com o time da ‘Motor City’ inspirado no ataque, o Alviverde manteve o jogo lá e cá, com Olynyk sendo o líder ofensivo do time. Sem deixar o Detroit abrir mais de dez pontos, o Boston encostou de vez no placar com uma sequência de 6-0 nos dois minutos finais, o que os deixou com apenas cinco pontos de prejuízo.

Inspirados pelo ótimo final de Q3, os atletas do Celtics voltaram com tudo para o último período. Avery Bradley empatou o jogo ainda no primeiro minuto, após uma cesta de três, e Jared Sullinger chegou a colocar o time verde na liderança após dois lances livres. Diante do bom início dos visitantes, o Pistons manteve a calma e não demorou a retomar o domínio das ações: com dez pontos seguidos, sendo cinco de Brandon Jennings, os anfitriões retomaram a liderança e abriram vantagem. De novo tendo que tirar a desvantagem, o time celta ficou nervoso e passou a cometer erros bobos, que permitiram novas chegadas ofensivas do Pistons, que seguia pontuando. O Celtics até se aproximou novamente, esteve a quatro pontos do empate restando dois minutos para o fim, mas falhou: o Pistons aproveitou bem as chances e definiu o jogo no Palace of Auburn Hills: 87 a 77.

Destaques do Pistons

Andre Drummond (15 pontos e 12 rebotes)

Greg Monroe (15 pontos e 10 rebotes)

Josh Smith (15 pontos e sete rebotes)

Destaques do Celtics

Kelly Olynyk (15 pontos e oito rebotes)

Jordan Crawford (13 pontos e três rebotes)

Avery Bradley (13 pontos e oito rebotes)

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

3 comentários

  1. Fernando

    Hoje contra o Memphis vai ser feio novamente.

  2. […] a sua reação nesta segunda-feira (4), em seu primeiro back-to-back na temporada. Um dia após ser derrotado pelo Detroit Pistons no Palace of Auburn Hills, o Alviverde já pegou a estrada e vai encarar o Memphis Grizzlies, no FedEx […]

  3. […] realiza seu quarto jogo consecutivo em seus domínios, ao receber o embalado Detroit Pistons. No primeiro jogo entre as franquias, vitória do time de Michigan por 87×77, no The Palace of A…. Esse jogo marcou a menor pontuação celta, até a presente data, na […]

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.