Prévia – Boston Celtics (23-15) x Brooklyn Nets (20-21)

Vindo de duas vitórias nos últimos dois jogos, ambos em casa, o Boston Celtics tentará emplacar a terceira vitória seguida em seu ginásio, o TD Garden. O oponente da vez será o Brooklyn Nets, time que vem fazendo uma campanha acima das expectativas para o seu elenco, ocupando atualmente a sétima colocação da Conferência Leste. A partida da noite desta segunda-feira (07) terá início às 22h30 minutos, com transmissão pelo NBA League Pass.

Adversários da Divisão Atlântico, o maior campeão da história da NBA e o time de Nova Iorque irão batalhar pela primeira vez na temporada 2018/2019, sendo este o começo da série de quarto partidas que as equipes disputarão entre si durante a temporada regular. O momento da equipe de Brooklyn é melhor, já que venceu sete dos últimos dez confrontos disputados, enquanto o alviverde de Boston sofre com a irregularidade, marca de sua campanha até aqui, tendo vencido somente metade de seus compromissos no mesmo período.

Apesar de irregular, a equipe celta conseguiu superar a ausência do seu maior astro, o armador Kyrie Irving, vencendo o Minnesota Timberwolves e o Dallas Mavericks com ótimas atuações de Gordon Hayward e Jaylen Brown. A esperança do torcedor é que o time encontre o nível de atuação conquistado na temporada 2017/2018 para, finalmente, brigar pela ponta da tabela da Conferência Leste e entrar forte nos playoffs.

A vida do técnico Brad Stevens ficou um pouco mais fácil com a notícia de que Kyrie Irving poderá retornar à equipe. Com isso, Terry Rozier retorna ao banco de reservas. A situação do ala Marcus Morris ainda é indefinida, já que o atleta sofre com dores no pescoço. Porém, seu status foi atualizado para “dia-a-dia” e há informações de que ele provavelmente jogará, o que será decidido por Stevens somente próximo ao evento. Morris tem sido um dos atletas celtas mais consistentes nesta temporada, contribuindo muito nos dois lados da quadra.

Seguem fora da equipe os pivôs Aron Baynes, que se recupera da cirurgia realizada em sua mão esquerda, e Robert Williams, com problemas na virilha. O calouro, apesar de demonstrar algumas falhas de posicionamento, algo normal na transição do College para a NBA, tornou-se muito querido pelos torcedores por conta de seus tocos espetaculares e também de suas várias enterradas.

O Brooklyn Nets, por sua vez, vem superando as expectativas dos analistas da mídia e até de seu torcedor. A campanha beira 50% de aproveitamento, o que é suficiente para posicionar a franquia do famoso bairro de Nova Iorque na zona dos playoffs. No entanto, a briga entre o sexto (Miami Heat) e o décimo (Orlando Magic) colocados está apertada, com apenas 2.5 jogos separando as equipes.

O técnico Kenny Atkinson não poderá contar com o ala-armador Dzanan Musa, lesionado no ombro, bem como o ala Allen Crabbe, que machucou o joelho e será reavaliado em 2 semanas. O ala Rondae Hollis-Jefferson também não estará disponível para a partida, com uma lesão no músculo adutor da perna direita, não havendo previsão para o seu retorno. Poro fim, o ala Caris LeVert, que vinha fazendo excelente começo de temporada, com média de 18.4 pontos por jogo, sofreu uma terrível lesão, deslocando seu tornozelo direito. A data de seu retorno às quadras ainda é incerta.

FICHA TÉCNICA

Local: TD Garden (Boston, MA)

Horário (de Brasília): 22h30

Transmissão: NBA League Pass

BOSTON CELTICS: Kyrie Irving, Marcus Smart, Jayson Tatum, Marcus Morris e Al Horford. Treinador: Brad Stevens

BROOKLYN NETS:  D’Angelo Russel, Joe Harris, Jared Dudley, Rodions Kurucs e Jarret Allen. Treinador: Kenny Atkinson

Publicidade

Eduardo Quirino
Eduardo Quirino
Eduardo, 31 anos, nascido em Niterói/RJ, mas é Resendense de coração. Bacharel em Direito, estudante de Administração e flamenguista, é apaixonado por esportes e envolvido com o basquete desde os 14 anos. Ex-pilar do Volta Redonda Rugby, ex-capitão do Resende Rugby e atual ala-pivô do Basquete Resende, tem como espelho a lenda Kevin Garnett, razão pela qual começou a torcer para o Boston Celtics em 2008. KG se foi, mas o amor pelo Celtics é pra sempre!

4 Comentários

  1. Publicidade

  2. Renato disse:

    Esse time do Nets e muito bem treinado, mas tem muitos desfalques e o Celtics joga em casa, a principio um jogo tranquilo.

    4

    0
  3. Fernando Silva disse:

    Por enquanto o jogo segue a nosso favor.

    Creio em uma vitória sem grandes sustos.

    GH pontuando bem.

    5

    0
  4. Fernando Silva disse:

    Bom jogo coletivo. Satisfeito com a equipe.

    4

    0
  5. Teobaldo disse:

    Time fraco tem que se espancado. Cumprimos o protocolo e só! Abraços!

    2

    1

Deixe um comentário