Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Prévia – Boston Celtics (23-8) x Atlanta Hawks (7-27)

Depois de derrotar o Charlotte Hornets no Spectrum Center, o Boston Celtics disputa a sua primeira partida em 2020 nesta sexta-feira (3), a partir das 21h, diante do Atlanta Hawks, no TD Garden. O duelo, válido pela temporada 2019/2020 da NBA, reúne dois extremos: enquanto o Celtics ocupa uma posição de destaque na Conferência Leste, o Hawks registra uma das piores campanhas da competição.

De volta aos braços de seu apaixonado torcedor, o Boston Celtics inicia 2020 com boas perspectivas. Em segundo lugar no Leste, o time de Massachusetts sonha alto, graças aos grandes resultados e ao bom desempenho de seus principais atletas, com destaque para os jovens alas Jaylen Brown e Jayson Tatum. Franco favorito diante do Atlanta Hawks, o Celtics quer aproveitar a fragilidade do rival para manter a boa fase.

Contra o Atlanta Hawks, o Boston Celtics ainda não definiu qual será sua dupla de perímetro, já que o armador Kemba Walker e o ala Jaylen Brown, gripados, são dúvidas. Os armadores Brad Wanamaker e Marcus Smart são os reservas imediatos. Os desfalques certos do Alviverde são os pivôs Robert Williams e Vincent Poirier, entregues ao Departamento Médico.

Enquanto o Boston Celtics vive um clima de euforia pelas boas atuações, o Atlanta Hawks sofre para se manter competitivo. Lanterna da Conferência Leste, a franquia da Geórgia vem de vitória sobre o Orlando Magic e quer manter a pegada diante do Celtics, mesmo atuando como visitante. Principal jogador do Hawks, o armador Trae Young se recupera bem de lesão no tornozelo e deve reforçar a equipe em Boston.

FICHA TÉCNICA

Local: TD Garden (Boston, MA)

Horário (de Brasília): 21h

Transmissão: NBA League Pass

BOSTON CELTICS: Kemba Walker (Brad Wanamaker), Jaylen Brown (Marcus Smart), Gordon Hayward, Jayson Tatum e Daniel Theis. Treinador: Brad Stevens

ATLANTA HAWKS: Trae Young (Cam Reddish), Kevin Huerter, De’Andre Hunter, John Collins e Bruno Fernando. Treinador: Lloyd Pierce

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

8 comentários

  1. Fernando Silva

    Alguém avise o time que o jogo começou.

    Q1 em ponto morto.

  2. Marcelo Signori

    Pode tirar o Tatum, hj é um daqueles dias

  3. Ricky Lacerda

    parece q o Andre Drummond vai ser trocado agora, e acho q seria ideal a gente ir atras dele, vejo como um jogador q preenche nossas necessidades, e se for possivel adicionar o derrick rose tbm nessa troca, nao sei qual seria o encaixe perfeito da trade, mas acho q os dois vindo completaria oq a gente precisa para ser um candidato ao titulo novamente, mesmo q correndo por fora, mas ficaria interessante…. com certeza temos ativos mais interessantes q o atlanta kk

    • Fernando Henrique

      Na questão salarial, mandando Hayward já daria pra conseguir Drummond + Rose. Pistons deve estar mais interessado em picks e jovens do que em jogadores consolidados, então imagino que num cenário assim o Langford ou a pick Grizzlies seriam envolvidos também

      Eu particularmente não gostaria que o time mandasse o Hayward embora, depois de tanto tempo esperando ele se recuperar. E agora que se recuperou, jogando em alto nível (hoje teve mais uma boa atuação). Mas seria a única opção nesse caso

      • drakes

        Provavelmente vá para Hawks, drummond pode optar fora do contrato, e o time do Atlanta parece ser a preferência dele, qq time só vai entrar no negócio se o pivozão dizer que irá ou assinar um novo contrato ou não optar fora seu último ano de contrato.

  4. PHABIO PASSOS

    E essses juizes da NBA E UMA GRAÇA, SO MARCA CONTRA FALTA CONTRA, o atlanta faz falta toda e ele nao marca nada…. q QUE JUIZES LADROEES E BANDIDOS, ESTA IGUAL STF DO BRASIL SO TEM JUIZ LADRAO…

    • Marco Antônio de Paula

      Acho que a análise desse jogo deve ser feita muito mais baseada na atuação do time do que no resultado em si. Nosso time voltou a jogar mal contra um adversário muito fraco que endureceu o jogo em virtude das nossas falhas defensivas. Demoramos muito na leitura do jogo. Quando a bola de fora não cai, precisamos de um jogo mais forte na defesa e mais jogadas de garrafão. Esse time do Hawks não tem garrafão. Quando forçamos o jogo ali, facilitou nosso trabalho. Nosso Time joga muito em função da qualidade dos jogadores. Quando essa qualidade está baixa, falta um padrão tático para cada adversário. Theis teve uma boa atuação. Esse tipo de jogo contra time sem garrafão ele cresce demais. Brown mostrando ser o nosso melhor jogador nessa temporada. Tatum acho que pode dar muito mais em quadra. Hayward discreto, já teve numa fase melhor. Smart já defendeu melhor também. É natural os dois voltando de contusão com um ritmo mais devagar. Agora é esperar o milagre do Zé Chiclete melhorar nosso garrafão defensivo para o próximo jogo.

  5. Fernando Henrique

    Belo toco do Theis pra fechar a partida, Smart ainda querendo tirar onda nesse finalzinho
    Podia ter sido mais tranquilo, mas pra quem tava sem o Kemba foi bom, joguinho morno pra preencher tabela mesmo

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.