Boston Celtics decide não renovar contrato com o pivô Greg Monroe

Sem receber convite para assinar um segundo contrato de 10 dias, o pivô Greg Monroe deixou o Boston Celtics e acertou transferência para o Philadelphia 76ers na tarde desta quarta-feira (3). De acordo com o jornalista Mark Murphy, do Boston Herald, o time verde e branco de Massachusetts tem até a próxima terça-feira (9) para adicionar um atleta ao seu elenco e preencher a vaga deixada por Monroe, mas não deve fazer isso nas próximas horas. Por ora, todas as atenções estão no jogo contra o Miami Heat, pela temporada 2018/2019 da NBA.

Com passagem pelo Boston Celtics na temporada 2017/2018, Greg Monroe acertou retorno ao Alviverde no dia 22 de março para reforçar o garrafão celta, que sofria com as lesões de Al Horford, Aron Baynes e Robert Williams. A recuperação do trio, entretanto, foi mais rápida que o esperado, e Monroe atuou em apenas duas partidas, contra San Antonio Spurs e Brooklyn Nets, registrando médias de 3,0 pontos e 1,5 rebotes em 2,5 minutos.

“Greg é um jogador muito bom, e tivemos a sorte de contar com ele nos últimos dois anos. Eu agradeço por tudo que ele fez. Quando nós o trouxemos, tivemos Horford fora com uma dor no joelho esquerdo, tivemos Baynes potencialmente fora por causa da lesão no tornozelo. Quando descobrimos que os dois voltariam mais cedo que o previsto, ficamos com uma profundidade excessiva na posição 5 (pivô). Faz sentido continuar jogando com os caras que temos e, se tiver oportunidade, distribuir minutos para Williams e Yabusele até o final da temporada”, disse o técnico Brad Stevens.

Sem Greg Monroe, o Boston Celtics enfrenta o Miami Heat na noite desta quarta-feira (3), a partir das 20h30 (horário de Brasília), na American Airlines Arena. Com 46 vitórias em 78 partidas e 59% de aproveitamento na temporada, a equipe de Massachusetts ocupa a quarta colocação da Conferência Leste.

Publicidade

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda
Gustavo, 27 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

1 Comentário

  1. Publicidade

  2. Erondi Nunes disse:

    Com o Baynes recuperado, não deve renovar com Monroe mesmo, esperava mais dele quando foi contratado temporada passada.

    1

    1

Deixe um comentário