Celtics 119 x 103 Hornets

Pressionado por três derrotas consecutivas na temporada 2018/2019 da NBA e tendo que lidar com conflitos internos, o Boston Celtics recebeu o Charlotte Hornets na noite de domingo (23), no TD Garden, sabendo que um novo tropeço poderia complicar de vez a situação na briga pelas primeiras posições da Conferência Leste. Apesar do clima de tensão, o time verde e branco de Massachusetts se portou bem e aumentou as esperanças ao seu torcedor: com uma atuação consistente, o Celtics liderou o placar de ponta a ponta e venceu o Hornets por 119 a 103.

Com os retornos de Marcus Morris e Al Horford ao garrafão, além de uma atuação inspirada de Kyrie Irving, o Boston Celtics rapidamente abriu vantagem sobre o Charlotte Hornets. Liderada por Kemba Walker, a franquia da Carolina do Norte tentou manter uma distância pequena, mas o Alviverde, preciso e voluntarioso, ampliou sua liderança para 21 pontos antes do intervalo. Com o Hornets entregue e o coletivo funcionando, o segundo tempo foi mera formalidade para o Celtics, que controlou o resultado sem sustos.

Mais uma vez, o destaque do Boston Celtics foi o armador Kyrie Irving. Com um início de jogo espetacular, o camisa 11 encaminhou o triunfo celta e encerrou a partida com 25 pontos. O ala Jayson Tatum, por sua vez, contribuiu com 17 pontos e quatro rebotes, enquanto o ala-pivô Marcus Morris chegou perto de um duplo-duplo: 12 pontos e oito rebotes. Recuperado de lesão, mas com restrição de minutos, o pivô Al Horford anotou 10 pontos, assim como o ala-pivô alemão Daniel Theis, que começou o jogo no banco de reservas.

Pelo lado do Charlotte Hornets, o armador Kemba Walker foi uma espécie de termômetro: autor de 21 pontos na partida, Walker manteve a franquia da Carolina do Norte na partida enquanto esteve bem, mas depois caiu de produção e não teve como evitar a derrota de sua equipe. Ainda no perímetro do Hornets, o ala-armador Jeremy Lamb fez 14 pontos. Entre os reservas, destaque para o duplo-duplo do pivô espanhol Willy Hernangómez, com 19 pontos e 10 rebotes.

Mesmo com o triunfo em casa, o Boston Celtics permanece na quinta colocação da Conferência Leste, com 19 vitórias em 32 partidas e 59,4% de aproveitamento. No momento, o Alviverde está a 4.5 jogos de distância do líder Toronto Raptors. O Charlotte Hornets, com 50% de aproveitamento em 32 confrontos, ocupa a sexta posição do Leste.

O próximo compromisso do Boston Celtics na temporada 2018/2019 da NBA será na tradicional Rodada de Natal, nesta terça-feira (25), contra o Philadelphia 76ers, no TD Garden. A partida começa às 19h30 (horário de Brasília) e terá transmissão da ESPN para todo o Brasil. Fora dos duelos festivos, o Charlotte Hornets só volta às quadras nesta quarta-feira (26), diante do Brooklyn Nets, no Barclays Center.

Destaques do Celtics

Kyrie Irving (25 pontos e cinco assistências)

Jayson Tatum (17 pontos e quatro rebotes)

Marcus Morris (12 pontos e oito rebotes)

Destaques do Hornets

Kemba Walker (21 pontos e quatro assistências)

Willy Hernangómez (19 pontos e 10 rebotes / duplo-duplo)

Jeremy Lamb (14 pontos e cinco assistências)

Publicidade

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda
Gustavo, 26 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, consumidor de danone, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

1 Comentário

  1. Publicidade

  2. Erondi Nunes disse:

    Já está na hora do Gordon Hayward começa a ser regular

    0

    0

Deixe um comentário