Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Celtics 121 x 110 Nets

Na noite de quarta(27) o Boston Celtics recebeu o Brooklyn Nets no TD Garden e conquistou sua décima terceira vitória na temporada graças a uma grande atuação de Kemba Walker. O jogo que contou com equilíbrio e inúmeras trocas de placar, foi definido apenas no ultimo período. O jogo ainda teve direito a inúmeras provocações por parte da torcida celta, que não perdoou a ausência de Kyrie Irving.

No primeiro período de jogo as equipes começaram trocando cestas sem muita contestação, aos poucos a defesa celta se acertou e criou dificuldades para o Nets, que cometeram alguns erros ofensivos inclusive no perímetro onde não conseguiram ser eficientes . Se aproveitando disso a equipe celta se usou de passes rápidos e boas jogadas dentro do garrafão para sair na frente. Placar no período 40 x 23.

No segundo período o jogo de perímetro dos Nets mudou completamente. O que foi ineficiente no primeiro período passou a ser a principal arma adversária e a equipe do Nets começou a acertar inúmeros arremessos do perímetro, enquanto o Celtics respondia com erros ofensivos e uma defesa lenta. Garrett Temple aproveitou para impulsionar o Nets e virar o jogo para os visitantes. Graças a Kemba Walker que estava muito bem no jogo a diferença no intervalo ainda era pequena. Placar do intervalo 57 x 63.

Na volta do intervalo o jogo do Nets prosseguiu focado no perímetro, que ainda era muito eficiente. Usando ‘screens’ ou até girando a bola rápido para encontrar alguém livre no perímetro a equipe do Nets continuava a usar muito sua bola de três. No garrafão Jarrett Allen causava problemas para a defesa celta, sempre conquistando bons rebotes ofensivos, porém o pivô do Nets não estava com bom aproveitando da linha de lance livre. Já o Celtics voltou com uma leve melhora defensiva e com Kemba Walker ainda inspirado. A equipe celta também se aproveitou de bons chutes de média distancia de Brown para melhorar no terceiro período. Placar do período 91 x 86.

No ultimo período Kemba Walker seguia pontuando de todas as maneiras pela equipe celta. Com ótimos arremessos de três pontos se aproveitando de ‘screens’ e até mesmo invadindo o garrafão adversário Kemba parecia imparável. Brad Wanamaker apareceu bem defensivamente roubando bolas e ajudando no ataque e Kanter conseguiu bons rebotes ofensivos pela equipe celta. A equipe do Nets tentava responder a altura, Jarrett Allen conseguia causar problemas nos rebotes ofensivos recebendo muitas faltas, porém o pivô do Nets desperdiçou muitos lances livres e apesar de ótima noite de Garrett Temple, a equipe visitante não foi páreo para o Celtics de Kemba Walker. Placar final 121 x 110.

O grande destaque celta foi Kemba Walker que anotou trinta e nove pontos e teve uma atuação memorável. Jaylen Brown também foi bem e anotou um duplo-duplo com vinte e dois pontos e dez rebotes. Apesar dos erros defensivos e de sofrer com o jogo de perímetro do adversário o Boston Celtics foi capaz de superar o Nets apoiado em seus principais jogadores, principalmente em Kemba. Depois de mais um jogo sofrendo com as bolas de três pontos o alerta celta tem que ser ligado e esse problema precisa ser resolvido para que outros adversários não explorem essa mesma estratégia. O Boston Celtics volta a jogar sexta(29) fora de casa, contra o mesmo Brooklyn Nets às 14h horário de Brasília.

A equipe do Nets que parece muito mais coletiva sem Kyrie Irving fez um bom jogo, mas não foi capaz de conter Kemba Walker. A equipe teve um jogo primoroso do perímetro e conseguiu incomodar bastante no garrafão com Jarrett Allen que aproveitou mal as chances que teve nos lances livres. Com Dinwiddie contido pela defesa celta o destaque ficou para Garrett Temple com vinte e dois pontos. A equipe agora enfrenta o mesmo Boston Celtics, sexta(29) às 14h horário de Brasília no Barclays Center.

Destaques do Celtics

Kemba Walker (39 pontos, 6 rebotes e 4 assistências)

Jaylen Brown (22 pontos e 10 rebotes)

Jayson Tatum (16 pontos, 9 rebotes e 5 assistências)

Daniel Theis (14 pontos e 8 rebotes)

Brad Wanamaker (13 pontos)

Destaque do Nets

Garrett Temple (22 pontos)

Jarrett Allen (17 pontos e 14 rebotes)

Spencer Dinwiddie (16 pontos e 11 assistências)

Joe Harris (21 pontos e 5 rebotes)

Melhores Momentos:

Author avatar
Henrique Correia
Paulista, morador de Bauru no interior do estado de São Paulo, analista de suporte e corredor de rua nas horas vagas. Apaixonado por basquete, descobriu no jornalismo um hobby e quem sabe futuramente pode encontrar uma profissão. Acompanha a NBA desde 2010, torcedor fiel do Celtics, aguarda ansiosamente pra ver seu primeiro titulo.

2 comentários

  1. drakes

    Foi uma vitória importante para o celtics perseguir a luta pela segunda vaga da conferência que é acirrada, Kemba mesmo com grande pontuação,aciona muito bem seus companheiros, do lado do nets primeira vi na temporada um time mais parecido com o do ano passado deles.

    Esperemos um jogo mais duro em Nets, como normalmente é esses bb.

  2. Fernando Silva

    Equipe que demonstra jogo mais coletivo sem KI.

    KI tem sua liderança contestada.

    Já vimos estas cenas.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.