Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Dennis Schröder se torna favorito para ser a escolha celta no Draft

Fora das finais da temporada 2012-2013 da NBA, o Boston Celtics, através de seu General Manager, Danny Ainge, foca a atenção para o NBA Draft, que será realizado no dia 27 de junho. Com apenas uma escolha (a 16ª no geral), a equipe celta ainda vive cercada de dúvida sobre o atleta e sobre sua posição. Entretanto, um nome começa a despontar como favorito na mídia americana como sendo o recrutado do Alviverde: trata-se do armador alemão Dennis Schröder.

Filho de pai alemão e mãe gambiana, Schröder tem 19 anos e é considerado o grande futuro do basquete alemão desde Dirk Nowitzki e Chris Kaman, sendo eleito melhor jogador jovem e Most Improved Player (jogador que mais evoluiu) da Bundesliga de Basquete. Em 32 partidas na temporada 2012-2013 pela sua franquia, o New Yorker Phantoms, da cidade de Braunschweig, Schröder teve médias de 12 pontos, 3,2 assistências e 2,5 rebotes em 25 minutos por jogo.

A ideia de recrutar um armador, alimentada recentemente por Danny Ainge, passou a ganhar mais força nos últimos dias após a notícia de que o Celtics correrá, no próprio mercado da NBA, atrás do jogador de garrafão que tanto procura. Conforme noticiamos aqui, no Celtics Brasil, os favoritos para chegar a Boston são o ala-pivô Paul Millsap e o pivô Al Jefferson, que atuou na franquia por três temporadas.

Com a sua principal deficiência no elenco sendo reparada através de negociações, o nome de Schröder se tornou o mais cotado para solucionar o outro problema da equipe: um armador para ser reserva de Rajon Rondo. Com a ausência do titular por mais da metade da última temporada, por conta de uma lesão nos ligamentos do joelho, o time se viu necessitado de um armador reserva de ofício, sendo obrigado a improvisar diversos alas no setor. A chegada de Schröder, pela ótica de Ainge, seria a solução para esse problema, ainda mais pelo alemão ter um estilo de jogo similar ao do camisa 9 e ídolo celta.

A escolha de Dennis Schröder, entretanto, depende de um outro detalhe: Milwaukee Bucks e Utah Jazz, que terão suas escolhas antes do Celtics, já sinalizaram a possibilidade de recrutar o jovem. Caso o plano de Ainge não dê certo, já se fala em um plano B: Shane Larkin, de Miami.

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

35 comentários

  1. Rafael

    Mas não foi justamente nessa novelinha de “carência de armador e improvisação do Bradley e Lee” que trouxeram o Jordan Crawford? Pode não ser um cara à altura do Rondo, mas mostrou-se um bom banco. Ainda tenho dúvidas se draftar um armador é uma boa idéia…

  2. Anderson Tomás

    É… quem sabe.

    Meu sonho sempre foi ver Milos Teodosic com a camisa green. “Jogadoraço”! Craque…

  3. Guilherme

    Mas gostaria de saber, o Rondo volta no início da próxima temporada, ou deve volta mais ou menos na metade da temporada??

  4. SamuelRJ

    O que vocês acham do Seth Curry?

    O Cara tem um arremesso muito bom, lembra o Irmão e o Pai.

  5. Thiago Matos

    O cara tem o mesmo estilo do Rondo e tem 3,2 de media de ast?????????

    Como assim?????

    • Daniel Emiliano

      Ele é um garoto jogando com profissionais e tendo minutos reduzidos, sendo assim não vejo seus números de ast como algo negativo que o impeça de compara-lo a Rondo.

      Se você for pegar os números de Rondo em seus dois anos em Kentucky, vai ver que ele teve media de 3,5 ast no primeiro ano e 4,9 no segundo.

      CP3 que o outro grande passador da atualidade, foi um fenômeno no colégio, teve médias de 5,8 e 6,6

      Nash? Bom, Nash jogou 4 anos no basquete universitário, antes de ir pra NBA.
      Conhecido como um dos maiores first-pass da história, ele teve médias de 2,2 / 3,7 / 6,4 / 6,0

      Isso porque eles jogavam com outros garotos, enquanto o moleque aí tava jogando com profissionais muito mais experientes.

      Ou seja…não ta muito pra levar em consideração o numero de ast dele, pra falar se ele pode ser comparado mesmo ou não com o Rondo.

      Pra saber isso, tem que ver jogos dele, mesmo. Coisa que eu ainda não fiz..heheheheh, então não sei se pode mesmo ser comparado com o Rondo.

      Pelo que eu vi em videos de “melhores momentos” ele tem uma ótima condução de bola, muita velocidade e uma infiltração realmente MUITO parecida com a do Rondo, com a diferença que o Rondo tem preferencia pela bandeja simples ao lado esquerdo do aro, e Schröder em muitas vezes parece preferir um “floater”, bem no estilo do Tony Parker.

    • Daniel Emiliano

      PS: Não ignorei seu e-mail não, Thiago.
      É que ainda não tive tempo de avaliar o blog lá com calma porque fiquei doente uns dias e atrasei uns trabalhos meu. To na correria pra não atrasar e não tomar multa.
      Acho que semana que vem já fico mais livre e dou uma olhada la pra vc

      • Thiago Matos

        Caracas, eu não tinha ideia desses números de First Pass tão famosos da NBA, o do Nash me surpreendeu!
        A única coisa que sei é que é mais fácil conseguir um bom armador no draft do que big Mans, esses grandões geralmente precisam de tempo para serem treinados e os armadores já tiverem controle de bola e passe ou defesa já conseguem participar mais fácil desde o início.

      • PS. Não esquenta com isso não Daniel, não tenha pressa.

  6. Thiago Matos

    O cara tem o mesmo estilo do Rondo e tem 3,2 de media de ast?????????

    Como assim?????

  7. Matheus Porto

    Isso tá me cheirando troca do Rondo na próxima temporada…

  8. Vinicius Simões Bravo

    Ainge MULA! Impressionante como conseguimos ter um GM tão Burro. Para que mais um PG?

    Espero que isso seja pelo fato de trocar alguns Guards (leia-se Lee, Terry, Crawford), e NÃO PIERCE, para obtermos o nosso garrafão. Seria a única justificativa.

    Ainge, Rudy Gobert!

    • Daniel Emiliano

      Porque mais um PG?
      Não temos nenhum sem ser o Rondo.

      Terry, Bradley, e Crawford já mostraram não ter condições de jogarem na 1.

      Ainge ta certo em pegar um PG puro e bom, se sobrar.

      Com relação a Crawford e Terrence, que já jogaram improvisados na 1, especula-se que ainge vai empacotar os contratos deles e do Shavin e enviar pra algum time em troca de um reforço.

      Todos eles tem contratos não garantidos e o time que os receber pode dispensa-los em seguida, abrindo espaço em cap.

    • Thiago Reis

      Sinceramente não entendo essa sua implicância com o Ainge, Vinícius, ela vem exatamente de onde? Se quiser explicar é claro, pois só o vejo xingando o cara de tudo quanto é nome, mas não vejo muita justificativa pra isso.

    • cotô (@cot0x)

      ce só fala merda!

    • joao

      Por isso queria um ala pivô 4 bom e um pivô 5 que preste…
      História de armador… O celtics não perdeu por conta 100% de falta de armador não, e sim porque o time não ta com a mesma pegada na defesa como antes…

  9. Renato Lgb

    Eita NeguiN Feio, rs !!!

  10. William de Oliveira

    Esse Dany Ainge parece meio louco hahaha so ta fazendo merda, Mais eu so espero que ele nao faça a caga de trocar o Rondo .

  11. Jota

    NAOOOO!!! Ainge meu deus cara, pega um pivo de destaque no draft, e contrata o Jarret Jackson que vai de free agent nessa temporada, sabe armar o jogo e tem um bom arremesso.

  12. viniciusbedra

    Pelas características descritas no jumper, curti o perfil desse armador que corre por fora pra ser escolhido, apesar de nao o conhecer.

    Características: Larkin é um raro prospecto que combina bom atleticismo, capacidade de criar para os companheiros e excelente arremesso de fora após o drible. Ele cresceu bastante de produção desde o ano passado e seu final de temporada na NCAA foi ótimo. Sua velocidade com a bola nas mãos me chama muito a atenção. Ele é ágil, explosivo e, com isso, consegue ser muito eficiente quando ataca em transição. Atacar a cesta não é sua especialidade, mas pode o fazer bem com o espaço que ganha por ser um bom arremessador. Em geral, toma boas decisões com a bola e não desperdiça muitos ataques. Ele consegue distribuir duas assistências para cada erro cometido, o que é um número bom para um armador no college basketball. Com o controle de bola que tem, pode criar seu próprio arremesso após o drible. Ainda não tenho certeza se sua primeira opção é passar a bola ou pontuar, o certo é que ele equilibra bem ambas. Tem tudo para ser a terceira ou quarta opção para times que procuram armadores neste recrutamento. Seu principal ponto fraco é mesmo o tamanho. Mesmo com muito talento, jogadores de 1,80m nunca são unanimidade entre os scouts. Vai precisar ganhar força física, especialmente se quiser ter sucesso finalizando próximo da cesta. Na defesa, deve ter problemas enfrentando armadores que, no geral, são maiores do que ele. Seus 3.1 lances livres cobrados por jogo também não animam muito. Se fosse dez centímetros mais alto, fatalmente estaríamos o projetando para um top 10 neste recrutamento ou algo próximo disso.

  13. Bruno Fonseca

    Qual a chance de pega Payton Siva no draft

    • Daniel Emiliano

      Peyton vai ser escolha de segunda rodada.
      Se o Celtics quiser pegar ele, provavelmente pega sem o menor problema, mas…….embora eu goste dele, tem armadores melhor no draft, e Schröder parece ser um desses

  14. joao

    O time ta precisando de pivô bom e ala pivô, esta carente nessas posições, KG e Paul estão vamos dizer, com idade avançada e sem falar na questão física também e as lesões que perseguem principalmente KG, ambos não suportam jogar muito tempo, por isso necessário buscar gente pra essas áreas… acho desnecessário armador, o Rondon vai voltar, por hora fica o Bradley mesmo ou até mesmo o jason terry, já que ele também pode jogar na posição de armador, por enquanto que Rondon retorna. Obs como já disse: necessário posição de pivô de qualidade e ala pivô, o lado de Paul, um cara que quando Paul for pra o banco ele também de conta do recado, já que Jeff vem em ascensão, só vem melhorando o home, bom é o que penso galera!

  15. Lucas

    Acredito que um Center decente já resolva 50% dos problemas de elenco no Celtics. PG reserva precisamos tambem, mas seria apenas para cobrir uma fatalidade, como aconteceu nessa temporada que passou (sem Rondo). Porem Rondo é jovem e em plena forma dificilmente cede minutos ao seu reserva imediato, como tambem por exemplo R. Westbrook e D. Rose, então reserva para essa posição não precisa gastar muito ou utilizar a unica escolha de Draft. Poderia utilizar essa escolha para trocar com algum Center decente. Me desculpe aos fãs de Bass na equipe, mas ele não rende o esperado e já encontramos seu substituto Sullinger. Sou a favor que aos poucos deem mais minutos ao Green e Sully e retirar os minuos de KG e PP. Sendo que eles poderiam ter tambem minutos compartilhados com as suas 2ªs caracteristicas C e SG respectivamente. Ou seja Center seria a solução imediata, não adianta correr atras de PFs que “quebram galho” na 5, ter que ser Center de oficio ( e RG… kkkkk). Por enquanto esse é o meu pensamento.

  16. Pedro

    http://www.youtube.com/watch?v=kqqyaR2AXoM

    O cara joga, parecido com o Rondo calouro e segundo anista. Chuta de 3 pt melhor, apresenta os mesmos defeitos, no chute de média distancia e na finalização de jogadas. Acho que ao lado do próprio Rondo, KG, Pierce e do Terry( chute de 3 pts na transição sendo uma poderosa arma) esse garoto pode dar muitas alegrias ao celtas!

    LET’S GO CELTICS!

  17. Elias

    Muito bom esse guri, lembre demais o Rondo, bom passa, carrega bem a bola e até nos problemas de chute de média distância, mas é focado na defesa e é muito rápido, seria interessante, talvez quando o Rondo estivesse no banco, poderia manter o mesmo estilo de jogo.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.