Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Draft 2020: Prospectos para você observar vídeos durante a pandemia

Em meio à pandemia e isolamento social, você pode estar tendo muito tempo livre em sua casa.

Pensando nisso, nós, do Celtics Brasil, elaboramos uma lista com atletas que possam ser muito interessantes ao Boston Celtics no 2020 NBA Draft (caso as escolhas não sejam trocadas). Assim você pode dar aquela corridinha ao Google ou YouTube e já começar a se informar mais sobre esses atletas, com vídeos de melhores momentos ou até mesmo de partidas completas.

Saddiq Bey (SF)

Alto e forte (6.8 pés / 216 libras), Bey é uma das maiores surpresas da NCAA.

O atleta, que inicialmente não era cotado nem para a segunda rodada dos mocks, vem impressionando olheiros e subido no conceito de muitos, já tendo inclusive figurado em escolha de loteria de alguns mocks.

Bey é um defensor sólido e um dos melhores arremessadores de três pontos da temporada com 45% de aproveitamento em quase seis tentativas por partida.

É certamente uma das melhores opções caso o Celtics queira um legítimo 3D no seu elenco.

Comparação: Trevor Ariza / Robert Covington

Josh Green (SG)

Atleta bastante alto para a posição (6.6 pés) e com envergadura absurda (6.10), Green oferece arremesso decente de três pontos e capacidade de criar seu próprio arremesso.

No lado defensivo, sua altura, envergadura e velocidade dão a ele a perspectiva de se tornar um defensor de elite capaz de proteger diversas posições.

Comparação: Josh Richardson / Kelly Oubre

Devin Vassell (SG)

Com QI de posicionamento acima da média para a idade, muita movimentação e mecânica de arremesso rápida, Vassell é um legítimo e eficiente “catch and shoot”.

Sua velocidade e posicionamento também lhe rendem muitas cestas fáceis próximas ao aro, explorando buracos nas defesas adversárias.

Na defesa, Vassell se mostra pronto para ajudar no mais alto nível já em sua temporada de estreia, com pouco ou quase nada a ser lapidado no setor.

Comparação: Avery Bradley

Theo Maledon (PG)

Armador muito alto (6.5 pés) e longo (6.8 pés de envergadura) o francês já atua como titular no Asvel Lyon, equipe da primeira divisão francesa e que disputa a Champions League Europeia.

Além de ser titular de uma forte equipe profissional europeia com apenas 17 anos, Theo também tem longa passagem pelas seleções de base de seu país e treina desde os três anos de idade, o que faz com que chegue a NBA já com boa bagagem competitiva.

Theo não é excelente em nada, mas é bom em tudo, o que o faz um atleta muito dinâmico, que pode ser utilizado de diversas maneiras por um bom treinador, inclusive atuando em outras posições.

Um reforço muscular pode fazer com que ele evolua naturalmente em muitas áreas, o tornando um matchup terrível para muitos adversários menores e mais fracos.

Comparação: Shai Gilgeous-Alexander / Evan Turner

Precious Achiuwa (PF)

Achiuwa não vai te dar espaçamento de quadra e nem nada muito refinado ofensivamente, mas vai estar em quadra o tempo todo infernizando seus rivais com muita força, velocidade, vontade e explosão.

Ótimo defensor e reboteiro, é o jogador que você precisa para fazer o trabalho sujo, além de explorar o jogo de transição.

Comparação: Pascal Siakam de dois anos atrás.

Isaiah Stewart (C)

Um atleta como Isaiah Stewart seria provavelmente top 10 num draft a uma ou duas décadas atrás, mas nos dias atuais, não me surpreenderia de vê-lo caindo para o segundo round.

O motivo disso é que Isaiah é o bom e clássico pivô bruto, que vai jogar próximo ao aro, utilizando de explosão e força para pontuar, sem te entregar o tão falado espaçamento de quadra que comanda a atual NBA.

Sua enorme envergadura (7.4 pés) compensa sua altura (6,9), e sua capacidade em ser uma ameaça constante embaixo do garrafão dos dois lados não pode ser ignorada.

Sabemos que o encaixe nos dias atuais não é dos mais fáceis, mas nomes como Montrezl Harrell e Clint Capela mostraram que ainda há espaço para bigs legítimos na liga.

Poderia ser uma ótima alternativa a Enes Kanter.

Comparação: Zach Randolph

Author avatar
Daniel Emiliano
Daniel é publicitário, web designer e ilustrador residente em Campinas/SP. Em 2008 uniu paixão e profissão e deu vida a um Blog de notícias e opiniões sobre o Boston Celtics. Com ajuda de outros apaixonados o Blog foi tomando proporções inimagináveis e hoje é este Celtics Brasil, o maior site sobre uma equipe da NBA no Brasil.

21 comentários

  1. Fernando Henrique

    Temos as escolhas 17, 26 e 30

    O Theo Maledon me parece uma excelente opção, se sobrar na 17. O RJ Hampton também é uma boa opção. O Nico Mannion seria minha escolha de PG se o time decidisse subir no draft

    Nas escolhas mais baixas, Jordan Nwora e Isaiah Stewart são os prospectos que chamaram minha atenção.

    Mas na minha opinião o time deveria trocar duas dessas escolhas pra subir no draft, ou até as três mesmo. Não adianta preencher o time com vários novatos, como fizeram esse ano, esperando algum deles explodir. Precisamos reforçar o banco de imediato, então melhor apostar numa escolha top 10 pra ser nosso pontuador da segunda unidade

  2. Jardel Severiano

    Alguma coisa o Boston tem que fazer. Temos 3 escolhas de primeira rodada, mas já estamos com os 15 jogadores e mais 2 two way. Não tem vaga para nenhum jogador. Temos que trocar alguns jogadores e usarmos as picks para isso.
    Se conseguirmos bons jogadores para contribuir vindo do Banco já seria bom.

  3. Marcos

    Trocar as escolhas, a menos que tenha uma top5.
    1- Não tem espaço no roster
    2- É mt risco de draftarmos 3 pgs e 2 pfs com alturas de PG (e gordinhos).

    Revi as finais de 2008 e 2010, todos os jogos.
    Cara, a defesa dessa época com KG jogando o fino, Judas Allen na bola de fora, Pierce no clutch e Rondo no ‘dibre’…
    Apostaria no Celtics em 7, mesmo contra os Warriors.
    E, verdade seja dita, com Bryant jogando o fino, os roxinhos tb não fariam feio contra Curry e amigos.

    Abs verdes,

    • R2

      Cara esse time foi muito legal de ver, perkins de porteiro, pierce de primeira opção de ataque e allen de segunda e o KG embaixo enlouquecendo as defesas era muito massa!

      Quanto ao draft concordo contigo, acho que o momento é de partir para movimentos arrojados, tentar umas trocas envolvendo essas pick e alguns role players para subir o nível do banco e nos dar condições de competir com os times do primeiro escalão.

  4. Sander

    Alguns jogadores eu estou de olho No draft:

    PG

    Theo Madelon
    Nico Mannion
    Immanuel Quickley

    SG

    Devin Vassel
    Josh Green

    PF/C

    Isaiah Stewart
    Jalen Smith

    • Gabriel

      Precisamos de jogadores vindos do draft: armador consistente que valorize a posse da bola na segunda unidade, um Sniper pra matar bolas de 3pts e defensores versáteis. Então as melhores opções para cada escolha.

      Pick 17: Devin Vassell (SF), Aaron Nesmith (SF/SG)
      Pick 25: Tre Jones (PG)
      Pick 30: Tyler Bey (PF/SF)

      Tre Jones: Armador sólido e pronto pra NBA, nos seus dois anos de NCAA é considerado um dos melhores defensores da Universidade, inteligente, e evoluiu muito o arremesso, fit perfeito pro Smart na segunda unidade.

      Devin Vassell: melhor 3andD da classe, seria um Thybulle mas mto melhor ofensivamente, um dos melhores defensores coletivos do draft.

      Tyler Bey: Versatil defensor, nao é nulo ofensivamente, e é muito atletico.

      Bons Upgrades:

      Wanamaker > Tre Jones
      Jevonte Green > Vassell
      Ojeleye > Tyler Bey

      • Fernando Henrique

        O Devin Vassel realmente é uma boa escolha, mas seria praticamente decretar o fim do investimento no Langford. Acho que faltou tempo de quadra pra ele se fixar como um role player, porque potencial ele tem. Mas talvez envolver ele numa troca seja o melhor pros dois lados, ir atrás de um bom armador reserva via troca e draftar o Vassel pro banco.

        É o tipo de jogador alvo do Celtics em escolhas mais altas, um ala versátil, com bons potenciais defensivos e atléticos. Jaylen Brown, Tatum e o próprio Langford são os exemplos vivos disso

  5. Marchall

    Procurem baixos e armadores, são esses os alvos do mongol no Draft

    • Achiuwa pra ajudar na 4, especialmente proteção de aro, seria muito bom junto ao Grant Willians, deixem eles se pegando!

      Mas Isaiah Stewart, esse é o cara que eu gostaria pra alternar com R.Williams! Bons potenciais, defensores de aro, fazem seus pontos e pegam seus rebotes! Precisamos dum QI melhor como center e pg focaria num veterano pra entrar pontuar.

      Draftaria um desses 2 ou ambos e talvez 1 destes mais Maledon, de resto trocaria às outras picks, draftaria um desses nomes específicos se disponíveis, caso contrário trocaria tudo.

      Até porque precisamos de 1 pg pontuador veterano e PF ou Center bons de verdade. Só isso de mais imediato.

  6. R2

    Se esse Theo Maledon conseguir fazer uma boa transição para a NBA, seria uma boa para nosso banco que precisa de um PG no mínimo melhor que o wanna (que nem é tão difícil de ser.. rsrs)
    Agora um Center clássico como Isaiah Stewart acho difícil ser draftado pelo celtics, apesar de que temos o RW de vidro que está aí para mostrar que tudo é possível..

    • Sim R2, por isso digo que se não termos nomes envolvidos, sendo Stewart um deles mesmo que custe trocas de picks etc, acho que seria melhor trocar as picks e não draftar, pois draftar por draftar o Celtics ta com roster cheios. É ver o que virá.

  7. R2

    Li outros sites falando desse Saddiq Bey, o cara está por cima!

  8. Marchall

    Isaiah Stewart pega top 10 no Draft, nunca que vamos pegar na 17. NBA tá carente de Ala pivô/pivô.

    Não entendi não terem colocado aqui o Nesmith. Esse é o meu favorito. Tem 1,98m, defende bem e é bom na bola de três. Se cair até a pick 17 seria um encaixe excelente no Celtics.

    Celtics tinha que trocar essas picks por algo melhor.

  9. Marchall

    Troca essas três picks e sobe no Draft. Melhor opção pro Celtics!

  10. drakes

    Pegar Precious Achiuwa ou Jalen Smith – JS seria hoje meu favorito até por que tem 2 anos na universidade, no College o PA impressionou com sua defesa, acho que aí é o principal falha do celtics.

    Quanto a pivo pegar é outro projeto como time lord, assim como ala Romeo Langford e armadores Carsen Edwards e Tremont Waters.

    Sobre o draft trocaria 2 picks piores primeira rodada e a segunda, para dar um upgrade de banco.

  11. R2

    Pessoal, já deram uma olhada nos stats dos caras do ano passado para tentar entender o quão bom, ou quão ruim foram nossas picks?!
    Sei que falando de langford fica dificil, afinal o cara praticamente não jogou, mas acho que vale a pena esse exercício.. rsrs

    • Fernando Henrique

      Dos novatos, quem mais jogou foi o Grant Wiliiams, com uma média de mais de 15 minutos por jogo. Fraco ofensivamente (apenas 3,5 pontos por jogo), não colaborou muito nos rebotes também (2,7). Defensivamente foi OK, desempenhando um papel como o do Ojeleye.

      Edwards jogou quase a metade do número de jogos do Grant Williams, menos minutos (9), não se destacou em nenhuma estatística

      Langford jogou menos ainda, mas eu acredito que com mais ritmo de jogo, com mais oportunidades, ele conseguiria manter uma média ali próxima aos 10ppg

      Não é que esses jogadores tenham sido um fiasco, mas nenhum supriu a nossa necessidade de pontuação vinda do banco. Com todos saudáveis, só temos o Kanter e o Smart que podem pontuar um pouco mais. É pouco pra um banco que quer ser campeão

      • PHABIO PASSOS

        Concordo com Fernando. precisamo melhorar muito nosso banco,não temos peça de reposição, embora o grant e langford foi dos calouros que se apresentaram bem ate agora,o tal edwards não esta pronto a jogar na nba,robert williaws e feito de porcelana e vidro e do podre passou matade da temporada no departamento medico.
        na minha opinião temos 4 escolha esse ano temos não me engano,.temos usa duas escolha e usar edwards, semi, green e robert, pra subir o draft ou troca por jogador que pode acrescenta nosso banco

        • drakes

          È difícil medir um jogador pela primeira temporada, na primeira do Smart ele ficou atrás de vários jogadores, inclusive o Elfrid Payton do Magic para muitos, no Celtics todos os últimos calouros da era Stevens (que vingaram) tiveram a primeira temporada como evolução como marcadores, seja smart, theis, jb, tatum, pela defesa da para ver que já conseguem ler o jogo: Langford e Grant Wiliiams, ofensivamente o Langford me parece uma aposta de melhor, mas a parada joga mais interrogações.

      • R2

        Tenho uma leitura parecida com a sua, até acho que Grant Wiliams poderia ser um pontuador descente, pois ele fazia isso na NCAA, mas ainda parece muito tímido nesse quesito, não acredito em uma grande evolução do Edwards, foi uma aposta para ser o peladeiro vindo do banco, mas não tem conseguido impor seu jogo na NBA, já Langford também penso ter faltado oportunidade… fora os caras do Heat que nem foram draftados e estão apresentando um grande basquete, não vejo que o celtics poderia ter feito escolhas melhores com as picks que tinham

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *