Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Prévia – Boston Celtics (13-23) x Atlanta Hawks (30-8)

Dando continuidade a uma série de jogos em casa antes da ‘Marcha para o Oeste’, o Boston Celtics terá uma partida dificílima na noite desta quarta-feira (14). Depois de uma vitória sobre o perigoso New Orleans Pelicans e com o ambiente imprevisível por causa das novas negociações que devem surgir nas próximas horas, o Alviverde tentará surpreender o Atlanta Hawks, líder da Conferência Leste, no TD Garden.

Apesar de estar em ‘tank mode’ pela segunda temporada consecutiva e planejando novos passos de sua reconstrução, o Celtics vem de vitória e está apenas a dois jogos de diferença do Brooklyn Nets, último time na zona de classificação para os playoffs. Em seu penúltimo jogo diante de sua torcida antes da viagem para o Oeste, o Alviverde deve sofrer diante de um embalado Hawks e não será surpresa se mais uma derrota cair na conta do maior campeão da liga.

No jogo diante da franquia de Atlanta, o Celtics não contará com Austin Rivers, Nate Robinson e Tayshaun Prince, que chegaram ao time nas últimas negociações, mas não devem sequer ser apresentados pela franquia, já que negociam suas saídas. Com a rotação fragilizada, três atletas devem ganhar bons minutos: o ala Jae Crowder e os calouros Marcus Smart e James Young, vistos como futuro da franquia.

Do outro lado da quadra, o ‘inexperiente’ Celtics encontrará um adversário pronto: com 30 vitórias em 38 jogos, aproveitamento de 78,9%, líder da Conferência Leste e dono da segunda melhor campanha da NBA em 2014/2015, ao lado do Portland Trail Blazers, o Atlanta Hawks vem jogando um basquete agradável e sonha com passos maiores. Presente nas últimas sete edições dos playoffs e campeão da liga na longínqua temporada de 1958, quando ainda jogava em St. Louis, o Hawks quer, no mínimo, repetir o feito de 1969-1970, anos em que foi finalista de conferência.

Para complicar um pouco mais a situação do Celtics, o Atlanta Hawks terá força máxima no TD Garden, com destaque para a experiência de Kyle Korver, a força de Paul Millsap e Al Horford no garrafão e bons talentos no banco de reservas, como Pero Antic, Dennis Schroder e Thabo Sefolosha. Líder de pontos da equipe, com média de 17,4 a cada partida, o armador Jeff Teague também está confirmado pelo técnico Mike Budenholzer.

Ficha Técnica

Local: TD Garden (Boston, MA)

Horário: 23h (horário de Brasília)

Boston Celtics: Evan Turner, Avery Bradley, Jae Crowder, Jared Sullinger e Tyler Zeller. T: Brad Stevens

Atlanta Hawks: Jeff Teague, Kyle Korver, DeMarre Carroll, Paul Millsap e Al Horford. T: Mike Budenholzer

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

6 comentários

  1. Marcos

    Excelente derrota que nos coloca como 6o pior time.

    Excelente para mostrar como nosso roster é ruim.
    Ontem pela primeira vez na vida, vi o Stevens p*** da vida e já tem uns 4 jogos que ele não tem culpa da ruindade.

    Utah e púrpuras vão jogar na sexta (alguém tem que ganhar) e temos uma chance de subir para quinto pior na próxima semana.
    Iremos derrota-a-derrota com o Flakers e, como o 76ers melhorou, talvez terminemos como 4 ou 3 pior campanha.

    Vamos lá:
    Cruze os dedos para termos uma escolha top-3. Então poderemos sonhar com:

    -Pick top-3: (Okafor, WCS, Towns?)
    -2 max contract de espaço numa FA cheia de bons Centers, podemos também tentar um SG de verdade que iria melhorar mt o time
    – Infinitas picks + players para troca

    O futuro parece melhor que na season passada,
    P.S.: O Ainge poderia usar um waive em algum expirante, para poder finalizar a troca com o Clippers.
    Há rumores de troca do Thornton e Bass.

    []s verdes

  2. Barry

    Dragic-Jordan-Love – FA
    Winslow-Oubre-Kaminisky- Draft

    Dragic-Bradley-Winslow-Love-Jordan
    Smart-Young-Oubre-Sully-Zeller

    • Rodrigo Ribeiro

      Com todo respeito, não insistiria no Bradley em nosso time, são muitos erros e inconsistências na minha opinião.

      • The Real Jay

        Cara ele botou Bradley ai, por causa do contrato q ele vai ganhar, Ainge não pretende um SG top tão cedo, vai empurrar o Bradley por mais 3 anos e olhe la, infelizmente. Jordan pelo máximo acho meio difícil, mas acredito tb em um garrafão desse na próxima temp, deixando o KO e negociando o Sully.

    • Marcos

      Jordan e Love só viriam por max…
      E o Dragic deve conseguir o max dos Suns tb…

      Mas seria um time de sonhos, sem dúvida… Talvez falte um pouco de defesa.

      Para mim Sully, Bradley e KO são negociáveis no caso de um AS chegar.

      []s verdes

  3. Luiz

    Acho que só não foi pior pq os Hawks não jogaram bem ontem. Nós perdemos vários ataques por erros de passe e no final de tudo acabamos perdendo apenas o 2º/4º praticamento o restante ficou bem equilibrado. Sullinger e Olynik são os únicos que estão regulando nos últimos jogos.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.