Prévia – Boston Celtics (33-19) x Oklahoma City Thunder (33-18)

Donos de campanhas praticamente idênticas na temporada 2018/2019 da NBA, Boston Celtics e Oklahoma City Thunder prometem fazer um duelo de tirar o fôlego na tarde deste domingo (3), em um TD Garden na expectativa do Super Bowl e da possibilidade do hexacampeonato do New England Patriots, representante de Massachusetts na National Football League (NFL). Enquanto o Alviverde quer manter o bom momento e encostar de vez nos líderes da Conferência Leste, a franquia de Oklahoma City busca a oitava vitória consecutiva, em partida que começa às 17h (horário de Brasília) e terá transmissão da ESPN para todo o Brasil. Será o segundo confronto entre Celtics e Thunder nesta edição da liga: no primeiro jogo, realizado no dia 25 de outubro, em Oklahoma City, o time verde e branco de Massachusetts venceu por 101 a 95.

De volta a Boston após uma vitória sem maiores dificuldades sobre o rival e lanterna New York Knicks, o Celtics vive um de seus melhores momentos nesta edição da liga. Com oito vitórias nos últimos nove jogos, sendo derrotado apenas pelo atual bicampeão Golden State Warriors, a equipe verde e branca assumiu a quarta colocação da Conferência Leste, ultrapassando o Indiana Pacers, e já está na cola do Philadelphia 76ers, dono do terceiro lugar. A vitória na tarde deste domingo é crucial para o Celtics, não só para os objetivos na classificação, mas também pelo aumento da confiança, já que o Oklahoma City Thunder é uma das melhores equipes da competição.

Diante do Oklahoma City Thunder, o técnico Brad Stevens não fará mudanças no quinteto titular do Boston Celtics, mas terá que fazer um ajuste em sua rotação, já que o pivô Aron Baynes, com uma contusão no pé direito, foi vetado pelo Departamento Médico. A tendência é que o ala-pivô alemão Daniel Theis ganhe alguns minutos no garrafão celta. O segundo desfalque é o ala-armador Jabari Bird, suspenso por tempo indeterminado após agredir e sequestrar a namorada.

Após amargar uma eliminação no primeiro round dos playoffs da Conferência Oeste em 2018 e iniciar a temporada com quatro derrotas consecutivas, o Oklahoma City Thunder apresentou uma evolução impressionante e já figura na terceira posição do Oeste, na cola dos líderes Golden State Warriors e Denver Nuggets. Embalado por sete vitórias seguidas, o Thunder quer manter essa série invicta diante de um poderoso adversário e voltar para casa com ainda mais disposição para brigar pelo topo do Oeste.

Para o jogo contra o Boston Celtics, a equipe do Oklahoma City Thunder terá apenas um desfalque: em recuperação de uma cirurgia no tendão patelar esquerdo, o ala-armador Andre Roberson continua fora de ação no Thunder. No quinteto titular, as esperanças de Oklahoma City estão depositadas no armador Russell Westbrook, colecionador de triplos-duplos, e no ala Paul George, que faz uma temporada de alto nível e já figura em várias listas de candidatos ao prêmio de melhor jogador da temporada.

FICHA TÉCNICA

Local: TD Garden (Boston, MA)

Horário (de Brasília): 17h

Transmissão: ESPN e NBA League Pass

BOSTON CELTICS: Kyrie Irving, Marcus Smart, Jayson Tatum, Marcus Morris e Al Horford. Treinador: Brad Stevens

OKLAHOMA CITY THUNDER: Russell Westbrook, Terrance Ferguson, Paul George, Jerami Grant e Steven Adams. Treinador: Billy Donovan

Publicidade

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda
Gustavo, 26 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, consumidor de danone, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

15 Comentários

  1. Publicidade

  2. Marcos disse:

    Fazer sala para o Patriots.

    O 76ers perdeu e a vitória hoje é importante para mando de quadra.

    Abs verdes

    6

    0
  3. Rodrigo Ribeiro disse:

    Partida nível playoff, ganhamos porra!!!

    8

    0
  4. Paulo Muneroli Jr disse:

    Claramente até o Stevens perdeu a confiança no Hayward! Deixou o cara de fora nos minutos decisivos.

    10

    0
  5. Lucas disse:

    Jogo bastante difícil, contra uma equipe de um nível bastante alto, rotação no estilo playoffs hoje (9 jogadores, com o Theis no lugar do Baynes machucado). Todo mundo contribuindo no jogo de hoje (menos um rapaz, que teve a maior minutagem vindo do banco se não estou enganado). Os caras tiveram acho que mais de 30 lances livres a favor deles e ainda assim a gente prevaleceu. Excelente partida do time de modo geral.

    10

    0
    • Robson disse:

      Creio que após o ASG será assim. Rotações limitadas a menos jogadores, 8 ou 9 por partida. Já estamos em terceiro. Agora é buscar o Raptors. Bucks é muito difícil.

      8

      0
      • Lucas disse:

        É, a rotação dos playoffs vai ser entre 9-10 jogadores, com o resto entrando só no “Gino Time” (Robert Williams e Wannamaker* por exemplo) ou num matchup específico tipo o Semi contra um Bucks.

        7

        0
  6. Marco Antônio de Paula disse:

    Excelente vitória, Não foi um grande jogo, mas time jogou focado no período final. Kyrie novamente carregou o time. Horford muito bem. Tem uns jogos que ele joga muito. Achei Brown fraco hoje, errando lances livres não dá. Hayward o de sempre, totalmente fora do jogo. Gostei do Theis, Tatum tem que melhorar essa defesa. Stevens hoje não comprometeu. Agora é manter essa competitividade para pegarmos mando nos playoffs.

    6

    1
  7. Erondi Nunes disse:

    Poderia ter sido mais tranquilo no final, mais o importante é q o time jogou bem.

    Jaylen Brown tem q calibrar a mao em lance livre, isso nos playoffs é inaceitável.

    7

    0
  8. Fernando Silva disse:

    Gostei da equipe como um todo. Adversário qualificado.

    Única observação: pontuação muito elevada.

    8

    0
  9. Fernando Silva disse:

    Salvo engano já estamos em 3° mas ainda distantes dos Bucks. Parece que será difícil chegar nos Bucks. Mas, creio que seja questão de tempo passarmos Toronto.

    2

    0
  10. Fernando Silva disse:

    Boston beat LA. Ok no super bowl, mas beat.

    8

    0

Deixe um comentário