Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Troca do ala-armador Jabari Bird é a prioridade do Boston Celtics na Trade Deadline

De mãos atadas na briga pela contratação do ala-pivô Anthony Davis, o Boston Celtics definiu uma prioridade no encerramento da janela de transferências da NBA (Trade Deadline), que será nesta quinta-feira (7), às 18h (horário de Brasília). Em seu perfil no Twitter, o jornalista Adam Himmelsbach, do Boston Globe, informou que o time verde e branco de Massachusetts está procurando uma franquia para trocar o ala-armador Jabari Bird, se dispondo a abrir mão de considerações financeiras para facilitar o acordo. Com esse movimento, o Celtics quer abrir espaço na folha salarial e uma vaga no elenco para o restante da temporada 2018/2019.

Jabari Bird, de 24 anos, está afastado por tempo indeterminado do Boston Celtics após agredir, sequestrar e ameaçar a namorada em setembro de 2018, pouco antes do início da temporada. Na ocasião, além de repudiar qualquer tipo de violência doméstica, o Alviverde informou que o assunto seria resolvido pela NBA, e não pela equipe. Até agora, a liga não tomou nenhuma decisão sobre Bird, que voltará ao Tribunal de Brighton, em Massachusetts, na próxima quarta-feira (13).

Nos últimos meses, o Boston Celtics esperou pela anulação do contrato de Jabari Bird, já que, de acordo com as regras da liga, a franquia terá que pagar US$ 1,35 milhão de salário, garantido em contrato, para o ala-armador em caso de dispensa. Como o time verde e branco já extrapolou o teto salarial para a temporada, essa movimentação atrapalharia a flexibilidade financeira para uma nova contratação. O silêncio da NBA, entretanto, colocou o Celtics em uma corrida contra o tempo para negociar Bird.

Jabari Bird assinou contrato por duas temporadas com o Boston Celtics após se destacar como jogador em contrato de mão dupla na temporada 2017/2018 da NBA, revezando entre o Alviverde e o Maine Red Claws, afiliado celta na Liga de Desenvolvimento da NBA (G-League). Em sua única temporada pelo Celtics, Bird disputou 13 jogos, um como titular, e registrou médias de 3,0 pontos e 1,5 rebotes em 8,8 minutos.

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

3 comentários

  1. Noah

    O Pelicans tá certo que na offseason vai pegar o Tatum, eu não tô acreditando que o Ainge vai realizar esse absurdo não!
    Trocar um menino que apesar das irregularidades vem evoluindo, por um aluguel Davis…

  2. Vinicius

    Acho que dificilmente Ainge faria um absurdo desses, só faria por algo bem concreto e com um contrato de médio prazo pelo menos.

  3. Celso Cachali JR

    Ja deveria ter dispensado o BIRD.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.