P. J. Dozier fecha contrato de mão dupla com o Boston Celtics para 2018/2019

dozier

Sem muito alarde, o Boston Celtics definiu, na sexta-feira (3), o último integrante de seu elenco para a temporada 2018/2019 da NBA. De acordo com o jornalista Sean Deveney, do site Sporting News, o time verde e branco de Massachusetts assinou um contrato de mão dupla com o ala-armador P. J. Dozier, de 21 anos, que disputou a última temporada da NBA pelo Oklahoma City Thunder, com algumas passagens pelo Oklahoma City Blue, afiliado na Liga de Desenvolvimento da NBA (G-League).

Primo de segundo grau de Reggie Lewis, ex-ala e camisa 35 aposentada pelo Boston Celtics, P. J. Dozier disputou duas temporadas do basquete universitário dos Estados Unidos (NCAA) por South Carolina Gamecocks, onde disputou o Final Four em 2017. Sem chamar a atenção das franquias no 2017 NBA Draft, Dozier disputou a NBA Summer League pelo Los Angeles Lakers e garantiu presença no elenco do Oklahoma City Thunder para a temporada 2017/2018, em contrato de mão dupla.

Pouco acionado pelo Oklahoma City Thunder, onde atuou em apenas dois jogos, P. J. Dozier passou mais tempo em ação pelo Oklahoma City Blue: em 43 partidas, o ala-armador registrou médias de 13,0 pontos, 5,6 rebotes e 2,8 assistências em 28,5 minutos. Apesar do bom desempenho de Dozier, o OKC Blue foi eliminado no primeiro round dos playoffs da G-League.

Antes de acertar a contratação de P. J Dozier, o Boston Celtics assinou um contrato de mão dupla com o armador Walter Lemon Jr, de 25 anos. De acordo com as regras da NBA, Dozier e Lemon Jr podem ficar apenas 45 dias a serviço do Celtics na temporada 2018/2019 e devem atuar mais vezes no Maine Red Claws, afiliado celta na G-League.

Publicidade

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda
Gustavo, 26 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, consumidor de danone, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

9 Comentários

  1. Publicidade

  2. Fernando Silva disse:

    Garbage time

    1

    5
  3. Oberdan Gonzalez disse:

    Não é uma crítica, é uma dúvida. Por que o Celtics insiste em não tentar desenvolver um Center no Two Way player? Acho estranho, pra mim parece óbvio!
    Saudações Celtas.

    11

    0
    • PHABIO PASSOS disse:

      Bem eu concordo com vc Oberdan,podia ate trazido MARTIN que esta jogando por nos na Summer, utilizando esse mecanismo, pois ele e muito superior ao francês YUBE,esse mania de ala armador tem muito, tem pouco jogadores de garrafão isso vimos contra o CAVS, quando THOPSON nos engoliu….

      5

      1
    • Jesus Cristo disse:

      Também queria saber. Talvez por nos já termos uns 4 jogadores pra posicão… Mas eu realmente não sei

      8

      0
      • Guilherme Pires disse:

        O celtics vai trazer um nome de peso pra essa posição na trade deadline acho provavel um AD o celtics tem muitas picks acho q 3 ou 4 de primeiro round então é facil traser um nome assim

        0

        0
      • Marcos disse:

        Haha.

        Sendo sincero temos Baynes e Williams (rookie).
        Horford e Theis jogam de center, mas são pfs.
        Eu arriscaria em um pg e um center no 2way.

        Abs verdes

        7

        0
    • Tatum foi selecionado e vem sendo treinado para ser nosso futuro PF.
      Morris também alterna entre a 3 e a 4.
      Ou seja, no elenco tem 6 jogadores pro garrafão (Horford, Baynes, Theis, Williams, Tatum, Morris).

      Então não temos essa carência toda na posição que as vezes o pessoal acha que temos.

      É bastante claro que o Stevens tem preferência por atuar em Small Ball, então é bastante compreensível que o Ainge opte por reforçar o perímetro com opções. Ainda mais porque Rozier e Irving estão a beira de renovação de contratos, e não sabemos se eles vão ficar.

      1

      0
  4. silvio freitas disse:

    Cada contratação pífia . Pivô , nada. E continua o puxa-saquismo do Ainge . Tem gente que tem estrela .
    Silvio Freitas

    1

    28

Deixe um comentário