Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Prévia – San Antonio Spurs (19-5) x Boston Celtics (13-11)

Depois de dois dias de descanso, alguns treinamentos leves e profunda reflexão, o Boston Celtics volta a jogar pela temporada 2016/2017 da NBA na madrugada desta quarta (14) para quinta-feira (15). Pressionado por uma série de tropeços em compromissos recentes nesta edição da liga, o Alviverde visita o San Antonio Spurs, vice-líder da Conferência Oeste, no AT&T Center, em partida que começa às 0h30 (horário de Brasília) e terá transmissão da ESPN. Será o segundo confronto entre as duas franquias na temporada: no dia 25 de novembro, o Spurs bateu o Celtics por 109 a 103, no TD Garden.

Com o seu alto nível de atuação e a já tradicional eficiência em quadra, o San Antonio Spurs está acumulando bons resultados na competição: nos últimos 15 jogos, a franquia do Texas conquistou 13 vitórias, o que lhe mantém na cola do líder Golden State Warriors. Uma vitória sobre o Celtics, além de manter a confiança do elenco em alta, será fundamental para continuar na briga pelo topo do Oeste e se afastar de equipes que estão crescendo a cada rodada, como Los Angeles Clippers, Houston Rockets e Memphis Grizzlies.

O experiente técnico Gregg Popovich não contará com o ala-pivô LaMarcus Aldridge, poupado, e aposta na grande fase do ala Kawhi Leonard, que tem médias de 24,7 pontos e 6,0 rebotes em 33,7 minutos, para derrotar o Celtics em casa. Na rotação, os texanos contam com o ala letão Davis Bertans, o armador australiano Patrick Mills, e o armador argentino Nicolas Laprovittola, ex-jogador do Flamengo, que também deve ser utilizado por Popovich.

A confiança, que reina no lado do San Antonio Spurs, não é das mais altas no Boston Celtics. Até a semana passada, o time verde estava na cola de Cleveland Cavaliers e Toronto Raptors, líderes da Conferência Leste, mas sofreu três derrotas em seus últimos quatro compromissos e caiu para a sexta posição. Os celtas sabem que um novo tropeço diante do Spurs agrava a situação e pode resultar em novas quedas na tabela, mas o momento não é dos melhores, e o retrospecto recente também não é favorável: a última vitória celta diante dos texanos foi no dia 31 de março de 2011. Desde então, foram 10 derrotas em 10 jogos.

Em San Antonio, o técnico Brad Stevens continuará com um desfalque de peso no quinteto titular. Em fase final de recuperação de uma lesão na virilha, o armador Isaiah Thomas, cestinha do Celtics em 2016/2017, continua fora da equipe e será substituído por Marcus Smart. Entre os reservas, as esperanças celtas estão no armador Terry Rozier, no jovem ala Jaylen Brown e no ala-pivô canadense Kelly Olynyk.

*Matéria atualizada às 20h15 para acréscimo de informações.

FICHA TÉCNICA

Local: AT&T Center (San Antonio, TX)

Horário (de Brasília): 0h30

Transmissão: ESPN e NBA League Pass

SAN ANTONIO SPURS: Tony Parker, Danny Green, Kawhi Leonard, David Lee e Pau Gasol. T: Gregg Popovich

BOSTON CELTICS: Marcus Smart, Avery Bradley, Jae Crowder, Amir Johnson e Al Horford. T: Brad Stevens

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

22 comentários

  1. Dakimalo Garra Gomes

    Celtics 106 x 101 Spurs

  2. Com esse retrospecto e dada as circunstancias não tem erro hoje é Celtics 101 x 95 Spurs

  3. Celtics 93×109 Spurs.

    Os Nets “só dependem deles” para, com uma derrota hoje. serem a pior campanha da Liga (empatariam com os 76ers e os Mavs).

    []s verdes

  4. Renato

    Nessa ma fase nao tem jeito Celtics 104 X 97 Spurs ?.

  5. Paulo Sérgio

    Ser ou não ser clubista? Eis a questão.

  6. PHABIO PASSOS

    CELTICS 105 X100 SPURS,
    FORA O BAILE…..;)

  7. Fernando C Silva

    Celtics 113 x Spurs 108

  8. Lucas Oliveira

    Um jogo dificílimo sob quaisquer circunstâncias, às chaves da vitória estarão em manter um número baixo de faltas contra o Kawhi mantendo a pressão defensiva e a consistência ofensiva especialmente nos momentos finais, o que passa muito pelo nosso aproveitamento da linha dos 3 pontos, uma vez que estamos sem nosso infiltrador principal.

  9. Fernando C Silva

    Sendo direto: jogo para pouparmos o AB, Jae e AH. IT já está fora mesmo.

    Será ótimo dar tempo de quadra ao Brown e ao KO.

    O Rozier já terá muitos minutos mesmo.

    • Francisco Machado

      Serio q vc quer vê mais do Olynyk
      Dá tempo de quadra pra ele, e vê o belo KO q vamos tomar dos Spurs
      Sem trocadilho

      • Fernando C Silva

        Perder do Spurs, no nosso atual ponto de reconstrução e diante da ausência do IT, é mais que esperado.

        Então melhor deixar o KO tomando toco, drible e ponto no coco.

        Ou ele evolui ou se sente mal para tentar evoluir.

        Acredito que diante dos desafios a pessoa pode encontrar a possibilidade de evolução.

        Se guardarmos o KO ou qualquer outro das dificuldades, só um milagre para faze-los crescer.

  10. Maurício Green

    Complicado se valendo dinheiro ou qualquer outra aposta ia de Suprs.
    Como torcedor : celtics 103 x 98 Spurs

  11. Douglas

    Francisco, o Fernando tem razao porque infelizmente ainda nao da pra pensar em vencer o SAS, entao desenvolve-los hoje é a intencao!
    O Rozier e o JB com mais minutos daqui um tempo sera otimo pra nos!

    Raiva porque na metade do 2/4 e esta caindo ate pensamento dos caras

  12. Gustavo Miglioretti

    Que saudade do Isaiah…

    mas como é bom ver a evoluçao do Bradley ano após ano

  13. Lucas Oliveira

    De novo, mesmo não sendo esperado era um jogo “vencivel” não fosse tantos erros no ataque, especialmente forçando arremessos de 3 desnecessários novamente.
    Al fez uma partida para se esquecer, avoado, mal defensiva e péssimo ofensivamente. O que compromete muito sendo que é nosso único “grande Big”.
    Bradley brilhante.
    Rozier tem potencial para virar um grande jogador, mas precisa começar a tomar um puxão de orelha, ele é um PG, mas está mais preocupado em abrir espaço para chutar do que de olho nos companheiros de time para armar, e bate a bola tão freneticamente que mesmo que ele perceba a abertura para passar ele não consegueria passar pq está sempre no meio de uma finta. Infelizmente acredito que isso dificilmente será resolvido antes da próxima offseason, mas precisamos cuidar bem do seu desenvolvimento pq esse menino é uma jóia.

  14. Soares Philipe

    O narrador e o comentarista da ESPN rindo da cara do Olynyk,mais uma partida patética do garrafão,o Amir Johnson quase foi parar em Dallas depois da dunk do Kawhi.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.