Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Tyler Zeller perde espaço e futuro no Celtics é incerto

Em meio ao bom início do Boston Celtics na temporada 2015/2016, um atleta do elenco verde e branco já apresenta um futuro incerto na franquia. Titular em 59 dos 82 jogos celtas na última edição da liga, quando teve médias de 10,2 pontos e 5,7 rebotes em 21,1 minutos, o pivô Tyler Zeller não está acompanhando o ritmo do elenco: além da concorrência dos novatos Amir Johnson e David Lee, o camisa 44 também foi superado por Jared Sullinger, que vive grande fase e agora é o titular no garrafão. Após a perda da vaga no quinteto titular, Zeller caiu alguns degraus na rotação do treinador Brad Stevens e já ficou fora de quatro partidas no ano.

Em entrevista ao jornalista Jay King, do MassLive, Brad Stevens usou um discurso tranquilizador, mas reconheceu que o momento não é ideal para a utilização de Tyler Zeller, que continua com sérias dificuldades para conter pivôs adversários e não consegue mostrar o mesmo faro defensivo de Amir Johnson e Jared Sullinger, atuais donos do garrafão celta.

“Tyler é realmente um bom jogador, mas nós temos muitos big mans. Alguma pessoa tem que ficar fora. Eu não sei se será sempre o Tyler. Eu imagino que ele pode exercer um grande papel na nossa equipe, ele sabe disso. Mesmo assim, é realmente difícil de lidar, nós vencemos uma série de jogos sem ele, mas tenho certeza que ele vai jogar muito e nos ajudar a conquistar uma série de vitórias”, disse Stevens.

Para complicar um pouco mais a situação do pivô de 25 anos, o Boston Celtics não sinaliza a sua renovação para a próxima temporada, onde será agente livre restrito. A tendência é que Zeller seja relegado ao banco de reservas ou envolvido em alguma troca até o final da temporada. Aguardemos os próximos capítulos.

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

4 comentários

  1. Jota

    Não é por nada não, gosto muito do Smart, principalmente defensivamente, mas pelo andar da carruagem o Rozier será um jogador mais consistente ofensiva e defensivamente.

    Ele não defende tão “excelentemente” como o Smart, mas defende muito bem (Tanto que o draftexpress deu como uma das suas especialidades: a defesa!). Ele tem um arremesso melhor e é um melhor finisher ao redor do aro. Sem contar o QI de basquete para distribuir assistências.

    O que quero dizer? Acho que não precisamos ficar desesperados caso o Ainge envolva o Smart para trazer um allstar, Seja Cousins, Paul George ou qualquer outro. Rozier ainda é cru? Sim, é, mas tem tudo para evoluir. Upside é bom e a ética de trabalho também.

    Agora é acompanhá-lo na D-League: Só 2 jogos jogados, mas tá com médias de 27 pontos, 8 rebotes e 7 assistências. Tudo bem que não é tanto parâmetro, mas ele teve bons jogos já com a camisa Celta, na Summer League e também na pré-season. Sem contar que entra bem sempre no garbage time.

    • Sander

      Jota,

      Embora goste do Smart, o vejo como uma boa moeda de troca junto com o Bradley por ambos serem novos, e por termos Rozier e Hunter para os seus lugares respectivamente. Tbm temos jogadores com contratos no fim ( A. Johnson, Zeller, Sully e Lee) que pode ser um grande atrativo para equipes com o Cap engessado( Menphis Mike Conley, Atlanta Al Horford e Raptors De Rozan).
      Equipes que estão em reconstrução, podem ser bastante atrativas para uma troca envolvendo Bradley e Smarte algumas de nossas milhares de picks, podemos ir atrás do Noel no Philadelfia caso o Sacramento não libere o DMC.
      Com o cap limpo, a escolha dos Nets que será top 5, ano que vem poderemos ser um dos 3 melhores do leste.
      Obs: Acredito que o Ainge tem algo em mente com o I. Thomaz, o valor dele na NBA subiu absurdamente, pelo pacote certo, poderia tentar algo com ele envolvendo PG (sonho meu).
      Concorda???
      Ou falei muita besteira? Kkkkkk

  2. Matheus

    eu também empacotaria Smart e Bradley pra trazer algum All-Star pq vejo Rozier e Hunter como bons substitutos, mas não seria melhor esperar até a temporada que vem? pq aí eles já teriam alguma experiência e dependendo do desenvolvimento deles esse ano poderiam jogar como titulares ou tendo bons minutos do banco, e tb acho que nosso trunfo por enquanto tem sido a defesa sufocante como a que colocamos em cima do thunder e do rockets, e trocando os dois de uma vez poderíamos perder isso

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.