Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Celtics x Raptors – Análises e Palpites

Após vencer com tranquilidade em quatro jogos a equipe do Philadelphia 76ers, o Boston Celtics encara o Toronto Raptors em sua jornada ao 18º título. Apesar de rivais de divisão, esse será o primeiro confronto na história entre Celtics x Raptors na pós-temporada, acrescentando ainda mais sabor neste confronto extremamente esperado pelos fãs do melhor basquete do mundo.

Na temporada 2019/20 da NBA, Boston Celtics e Toronto Raptors se enfrentaram quatro vezes, com vantagem para a equipe Celta, que venceu três dos quatro confrontos. O último deles, já na bolha com total controle do jogo, anulando totalmente a equipe de Toronto e vencendo por 22 pontos.

Relembre os confrontos entre as equipes nesta temporada:
Celtics 112 x 106 Raptors
Raptors 102 x 118 Celtics
Celtics 97 x 113 Raptors
Celtics 122 x 100 Raptors

Confira abaixo os palpites e análises dos colaboradores do Celtics Brasil para esse confronto inédito em pós-temporada entre Boston Celtics x Toronto Raptors:

Lucas Caldini: Celtics 4 x 3 Raptors

Possivelmente a série mais disputada de toda pós-temporada, Celtics x Raptors tem de tudo para ser uma guerra dentro de quadra e um jogo de xadrez entre Brad Stevens e o técnico do ano, Nick Nurse. As duas equipes contam com um forte sistema defensivo, o que provavelmente resultará em uma série bem truncada e equilibrada.

Ambos os times vêm cheios de confiança após vencerem facilmente seus adversários em quatro jogos na primeira rodada. O retrospecto da temporada regular joga a favor do Celtics que venceu 3 das 4 partidas, incluindo uma recente partida na bolha onde a equipe alviverde anulou completamente a equipe do Raptors e venceu tranquilamente por 22 pontos.

Na série contra o Sixers vimos todo o potencial das jovens estrelas Celtas de decidirem as partidas, porém a equipe de Toronto conta com especialistas de defesa que irão fazer de tudo para complicar a vida da dupla Brown e Tatum. Será a oportunidade de mostrar pra toda liga do que já são capazes.

A preocupação principal é o desfalque de Gordon Hayward, jogador muito importante dos dois lados da quadra cuja ausência pode prejudicar o ótimo desempenho defensivo da equipe Celta.

O equilíbrio das duas equipes promete uma série muito disputada e cheia de emoção, acredito que a maioria dos jogos serão decididos nos últimos 5 minutos de jogo e é ai que o talento individual pode desequilibrar a favor da franquia de Boston. Apesar de também contarem com ótimos jogadores que podem decidir uma partida, vejo o trio Kemba Walker, Jayson Tatum e Jaylen Brown mais capacitado para garantir vitórias no crunch time consequentemente conquistar o triunfo na série.

Eduardo Marangoni: Celtics 3 x 4 Raptors

Na minha opinião, independentemente de quais serão os demais confrontos, Boston x Toronto será a série mais equilibrada das semifinais de conferência. O Boston Celtics vem de um duelo mais tranquilo que o esperado contra o Philadelphia 76ers, enquanto o Toronto Raptors cumpriu o esperado e varreu o limitado Brooklyn Nets, com direito a grandes atuações coletivas do time.

A temporada regular mostrou que o Celtics pode ser o pior adversário para o Toronto em uma série de 7 jogos, pois a grande sacada dos times de Nick Nurse é limitar os ataques adversários, e o sistema de Brad Stevens também busca fazer o mesmo. Além disso, a defesa celta tende a jogar os bigs Marc Gasol e Pascal Siakam para a linha de perímetro, só restando a eles forçar chutes de longe e, consequentemente, saírem dos jogos com médias baixíssimas nos arremessos de quadra.

No entanto, nem tudo são flores. Apenas um milagre fará com que Gordon Hayward, uma das peças mais importantes na organização do ataque, retorne ao time antes dessa série acabar. Tratando-se de um time que possui uma defesa tão forte, qualquer perda importante em um ataque com tão poucas peças ofensivas sofre impacto dobrado.

Portanto, acredito em jogos com baixa qualidade técnica por conta da forte defesa de ambos os lados, e que tudo será decidido no detalhe. Assim, apostarei na equipe que tem chances de errar menos no confronto. Raptors in seven.

Luiz Pedro: Celtics 4 x 3 Raptors

Sem dúvidas será uma série bem mais complicada, se comparada à varrida contra os 76ers.
Apesar de não contar com nenhuma grande estrela, tendo Pascal Siakam como principal pontuador, os Raptors são bem encaixados e têm uma defesa forte (2º melhor defensive rating da temporada regular). No entanto, seu armador principal não está 100% fisicamente e vem enfraquecido para esta série contra o nosso querido Boston Celtics.
Do nosso lado, os pontos principais de atenção são a defesa de garrafão, a rotação de marcadores de Siakam e o aproveitamento ofensivo. Capitalizar nos erros do adversário poderá ser o ponto de desequilíbrio nesta série.
Por peso da camisa, a condição questionável de Lowry e, é claro, uma pitada de torcida pessoal, acho que o Celtics tende a levar essa série no jogo 7.

Author avatar
Lucas França
Mineiro de Belo Horizonte, 24 anos, minha vida se resume ao Galo e ao Celtics, pivô nas horas vagas, tenho como maior ídolo Paul Pierce. Sempre busquei um lugar para falar do Celtics e da NBA, um só não é suficiente, então falo por aqui, pelo Celtão M1L GR4U (@Celtao17) no twitter e outros 450 blogs e perfis.

12 comentários

  1. drakes

    Celtics 2 x 4 Raptors. sem gh com esse banco, não acredito no boston

  2. rafael

    Eu acredito. 4 x 2 Celtics.

    JT, JB, KW e MS vão brilhar.

  3. Marco Antônio de Paula

    Claro que no lado emocional, vou sempre acreditar no Celtics, pois o coração deseja nossa vitória. Mas tratando do lado racional, os dinossauros são favoritos.
    Os dinos tem um time mais encaixado, com um conjunto melhor e o treinador deles faz a diferença. Além de um Banco que pode contribuir muito mais que o nosso.
    Temos 3 jogadores (Kemba, Tatum e Brown), que jogando em Alto nível podem contribuir em média 75 pontos nessa série. Smart vem bem na defesa, mas mal no ataque e não deve contribuir com muitos pontos; Theis faz o de sempre e não é um diferencial também para nosso ataque. (Prevejo médias de 20 Pontos para essa dupla na série)
    A Tendência é nosso banco pontuando muito pouco. na série. Na teoria nosso ataque deve trabalhar com média de no máximo 100 pontos na série.
    Com essa média ofensiva baixa fica muito difícil eliminar os Raptors.
    Hayward fará muita falta com sua média de quase 20 pontos por jogo. Smart defende melhor, mas no ataque está tijolando muito.
    Não vejo a rapaziada do terrão contribuindo muito também. elenco mal montado pelo Stevens, preferiu apostar nos anões que não deram resultado.
    Nos Resta torcer para Tatum, Brown e Kemba fazerem mágica na série.
    Torcida Celtics 4 x 3
    Realidade Raptors 4 x 2

    • Sandro

      Concordo Marco Antônio… só não sei se o GH ia fazer tanta diferença pq se ele fizer seus quase 20 pontos acho que ia diminuir a pontuação dos outros.
      Lets Go Celtics!!!

  4. Mikael Parente Reis

    Vai ser Celtics 4×2

  5. Tiago Coelho

    Para termos chances Stevens tem que abusar das minutagem de JT, JB e KW.
    Tentando manter tbm o quinteto titular mais intacto com um ou no máximo 2 suplentes juntos,
    Si ele vier com aquela loucura de colocar segunda unidade completa em quadra é caixão
    Mas no mais acredito que os Celtics possa me surprender pois os 3 citados acima tem muito talento

  6. Fernando Silva

    Sem GH e com a possível volta do armador adversário, ficamos em posição complicada.

    Espero que GH volte.

  7. Fernando Silva

    Uma possibilidade seria deixar Smart na formação inicial e trazer GH do banco para trazer pontos com Enes.

    Smart descansa Kemba na 1

    JB descansa Smart na 2

    GH descansa Smart na 3.

    Enes descansa Theis na 5

    Theis descansa Tatum na 4

    No máximo 2 minutos de Wana no final de cada quarto e 1 minuto de Semi no começo dos Q2 a Q4.

    Só para dar um fôlego mesmo e que ambos usem e abusem de faltas.

    Se tentar o milagre do teacher Pardal, quando olharmos o placar estaremos 10pts abaixo da terra (ou mais).

    • Marco Antônio de Paula

      Concordo com o Fernando. Se o Stevens vier com aquele lance de colocar o terrão em quadra limitando os minutos dos titulares, esquece. Não dá para jogar essa série com a segunda unidade.

      • Marcelo Gouveia

        Imaginando um tempo de quadra maior pra JT, JB e KW em toda a série… a marcação cerrada sobre eles no fim dos jogos… é real a chance de Toronto não precisar de sete jogos. Vejo uma possibilidade pro nosso Celtics. Abrir 2×0 e usar o lado psicológico pra chegar com tudo no jogo 3.

        Será difícil.

  8. João

    A falta do GH é reforço considerando que os jay jay vão ter mais a bola!!

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *