Dois anos após dispensa, R. J. Hunter está de volta ao Boston Celtics

Pouco antes da vitória por 135 a 108 sobre o Indiana Pacers, a quarta consecutiva na temporada 2018/2019 da NBA, o Boston Celtics fechou a contratação do ala-armador R. J. Hunter, de 25 anos, que foi recrutado pela franquia verde e branca no 2015 NBA Draft. O Alviverde ainda não anunciou o reforço em suas redes sociais, mas o acordo foi confirmado pela jornalista Nicole Yang, do Boston Globe, e pelo próprio atleta, que se manifestou através do Instagram nesta quarta-feira (9).

“Tem sido uma jornada desde a última vez que eu estava dentro de uma camisa do Celtics, e eles me darem outra chance significa muito para mim. Eu trabalhei duro para me tornar o melhor que posso ser, dentro e fora de quadra, e voltar para essa organização, como uma pessoa/jogador melhor, é um sentimento selvagem. Há muito trabalho a ser feito, mas quero agradecer ao Celtics por essa oportunidade. Espero que todos fiquem orgulhosos”, afirmou Hunter.

De acordo com Nicole Yang, R. J. Hunter retorna ao Boston Celtics em contrato de mão dupla, ocupando a vaga deixada pelo armador Walter Lemon Jr, que foi liberado pelo time verde e branco e acertou transferência para o Windy City Bulls, da Liga de Desenvolvimento da NBA (G-League). Além de Hunter, o Celtics conta com o ala-armador P. J. Dozier nesse tipo de vínculo, que permite a alternância entre a NBA e a G-League.

Selecionado pelo Boston Celtics na 28ª escolha do 2015 NBA Draft, R. J. Hunter disputou 36 jogos pelo Alviverde na temporada 2015/2016 da NBA, com médias de 2,7 pontos e 1,0 rebote em 8,8 minutos. Em sua passagem por Boston, Hunter também teve que disputar partidas pelo Maine Red Claws, afiliado celta na G-League.

Liberado em outubro de 2016 pelo Boston Celtics, R. J. Hunter teve rápidas passagens por Chicago Bulls e Houston Rockets na NBA, e, desde então, passou a maior parte do tempo na G-League. Em 2018/2019, Hunter defendeu o Erie BayHawks em 22 jogos, tendo médias de 22,0 pontos, 5,6 rebotes e 4,4 assistências em 33,2 minutos.

Em meio ao retorno de um velho conhecido, o Boston Celtics está se preparando para uma série de três partidas como visitante, sendo que a primeira delas será disputada nesta quinta-feira (10), às 22h (horário de Brasília), contra o Miami Heat, na American Airlines Arena. Com 25 vitórias em 40 jogos e 62,5% de aproveitamento, a franquia de Massachusetts ocupa a quinta posição da Conferência Leste na temporada 2018/2019 da NBA.

Publicidade

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda
Gustavo, 26 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, consumidor de danone, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

5 Comentários

  1. Publicidade

  2. Fernando Henrique disse:

    Pouco adiciona, não vai jogar mais que o garbage time junto com o Dozier
    Lembro da epoca da dispensa dele, foi uma pena porque ele tinha um pouco de potencial. Mas de lá pra ca não deu em nada

    Inclusive tem um Hunter no proximo draft e ontem mesmo eu pensei no RJ, mas torcendo pro Celtics não escolher outro Hunter e se dar mal novamente

    0

    2
  3. Erondi Nunes disse:

    Tá aí o MVP das finais

    0

    1

Deixe um comentário